Como fazer a manutenção preventiva da limpeza de caixa de gordura

Escrito por Super User. Publicado em Serviços

Quantas vezes você só reparou em algo, quando ele, digamos, começou a dar problemas?

É mais ou menos assim com quase todo mundo, né? A caixa de gordura, por exemplo. É um verdadeiro “clássico” no quesito “por qual motivo eu não dei a devida atenção antes de acontecer o pior? “.

Acredite: seja em sua casa, condomínio, empresa, e sobretudo indústria, se você não adotar a manutenção preventiva da limpeza de caixa de gordura, o pior pode acontecer!

E Isso não inclui apenas o pior para sua residência, estabelecimento. Mas, também para as pessoas que ali circulam e habitam, bem como para o meio ambiente e saúde pública!

Quer saber como evitar problemas com o esgoto, entupimentos e demais contratempos, que tem como causa, a falta de manutenção de limpeza da caixa de gordura?

Quer entender como deve ser feito esse trabalho preventivo? Então não perca as próximas linhas desse artigo!

O que é e para que serve a caixa de gordura?

A caixa de gordura é semelhante a um balde. Fica alocada abaixo do piso, somente com sua tampa visível.

Ela tem como objetivo não permitir que a gordura que entra no ralo da pia, chegue à rede de esgoto.

Dentro desse reservatório fica um pouco de água. É essa água que filtra a gordura, que da pia ou máquina lava louças.

Como realizar a manutenção e limpeza da caixa de gordura?

É extremamente importante que a limpeza da caixa de gordura seja feita de seis em seis meses em casas. Em prédios, o ideal é que o procedimento seja efetuado de três em três meses.

Para que a manutenção seja bem-sucedida, é imprescindível contratar uma empresa desentupidora especializada no serviço.

Não executar o procedimento acarreta problemas como:

  • Entupimento de tubulações e canos;
  • Mau cheiro;
  • Escoamento lento da água da pia;
  • Infestação de pragas urbanas, desde a baratas até mesmo ratos, entre outros.

Quer uma solução eficaz? Entre em contato conosco!